terça-feira, 27 de setembro de 2011

Mendicância multicolorida


Uma frase que surge em minha cabeça, após um contexto que irei contar a seguir: estamos sendo escravos de nossa própria mendicância multicolorida. Mendicância porque estamos pedimos tudo a todos e a nós mesmos. Multicolorida porque tudo parece melhor do que realmente é.
O contexto: estávamos eu e um amigo, conversando sobre como as pessoas nascem violentas. Sugeri que era por causa que um mendigo as havia esmurrado enquanto ainda estavam na barriga, em clara referência à música Pátria que me Pariu, de Gabriel o Pensador. E surge em minha cabeça, repentina e espontaneamente, a frase. Uma ideia repentina minha, que talvez desenvolva melhor mais tarde, mas ainda não mudou o mundo.

Sim, esses dois últimos posts fugiram um pouco de nossa "linha de postagens". Se você não está gostando, apenas aperte CTRL + W e seja feliz!

Um comentário:

  1. Daniel, estou gostando muitos dessas postagens... Tem ponto de vista, e é textual, o que me agrada muito :)

    ResponderExcluir